AS PEDRAS DO MEU CAMINHO – COMO GERIR UM DESAIRE?

09 Out 2016
Desenvolvimento Pessoal
gym man tired relaxed after workout exercise

AS PEDRAS DO MEU CAMINHO – COMO GERIR UM DESAIRE?

Pedras no caminho?

Guardo todas, um dia vou construir um castelo…

Fernando Pessoa

No Judo a primeira lição que aprendemos é a cair. Nas primeiras aulas, antes de aprender os gestos técnicos mais complexos, aos praticantes iniciados são-lhes ensinados os movimentos que permitem proteger o seu corpo no momento em que este entra em contato com o tapete. Esta atitude – para além de ser uma metáfora para a vida – é um modelo que fomenta a resiliência, aumentando assim a capacidade de se reagir favoravelmente à adversidade.

Nesta arte marcial cair significa que existiu um fator externo – o nosso oponente – que nos levou a cometer um conjunto de erros técnicos e/ou táticos que promoveram a nossa queda. Quantas vezes não nos acontece o mesmo num contexto profissional? Na nossa esfera privada? Todos já sentimos o sabor amargo do desaire. Perante a inevitabilidade destes pequenos sulcos: Qual é a atitude mais correta a adotar?

Uma postura de resignação não é a mais indicada porque pode perpetuar maus hábitos mentais, não promove a mudança; pensar em perspetiva logo após um momento da falha – “nada acontece por acaso” –  conduz a uma precoce racionalização que, a longo prazo, pode conduzir a uma intensificação das emoções negativas.

Assim, numa fase após traumática, devemos ter a humildade de assumir que caímos e  estamos magoados – estatelados no chão. Por isso, devemos primeiro permitirmo-nos mergulhar na tristeza (que nos permite avaliar novas perspetivas); para depois, eventualmente, sentirmos um sentimento de injustiça acompanhado geralmente de uma raiva (que, quando bem canalizada, aumenta o nosso foco e determinação).

Não devemos ter pressa para nos levantar pois muitas vezes as nossas pernas não estão preparadas para sustentar o peso do corpo tão prontamente. Só depois de passarmos por todo este processo e paleta de emoções é que estaremos aptos para nos reinventarmos e iniciar um novo caminho: agora mais sábios e confiantes.


CONTACTO:

geral@celiodias.pt


 

  • Blogue
  • Célio Dias
  • Days of Light and Fights
  • Desenvolvimento Pessoal

Deixar uma resposta